Problemas com estoque? É hora de repensar o armazenamento

Problemas com estoque? É hora de repensar o armazenamento

Quem é lojista sabe que as datas comemorativas exigem criatividade. Como estar abastecido para garantir vendas extraordinárias, sem comprometer o espaço físico da loja? Para quem tem espaço em shopping, é normal lidar com um quebra-cabeça para encaixar tudo nos 10 ou 20m² de estoque que, quando cheios, dificultam a circulação de vendedores - o que pode gerar desorganização e demora no atendimento ao cliente. 

Se desconsiderarmos o volume de uma caixa de sapatos, com 14cm de largura e 32cm de comprimento, 25 caixas de sapatos ocupam 1m². Parece um espaço bem aproveitado, mas com 8cm de altura, 25 pilhas de caixas de sapatos não são nada práticas na hora de procurar uma numeração específica em determinada cor. 

Mas como ter controle daquilo que está no estoque?

Na correria de entradas e saídas para atender clientes, o estoque pode ficar um pouco bagunçado. Ter o controle do ambiente é um dos fatores que ajudam a gerar resultados positivos, e uma boa alternativa é separar os itens de acordo com o que têm em comum, por exemplo, modelo, cor e tamanho. A organização é uma forma de evitar prejuízos significativos, além de garantir a eficiência empresarial.

O estoque está organizado, mas ainda falta espaço

Se mesmo com uma boa organização o estoque continua dificultando os processos de uma empresa, é hora de procurar outro lugar onde colocar os produtos. Em Curitiba, a Espaço A+, uma das maiores self storages da cidade, oferece várias opções de boxes, que possuem de 2 a 20m³. Caso haja necessidade de mais espaço, a empresa dispõe de uma unidade ainda maior em São José dos Pinhais, próximo ao aeroporto.

Como o tempo mínimo do contrato é de um mês, o espaço pode ser alugado apenas durante os meses de datas comemorativas ou em períodos de estoque cheio. Apenas o locatário tem acesso aos pertences, levando inclusive seu próprio cadeado, o que aumenta a segurança e a praticidade. 


 
Veja mais...